Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$
VEJA O VÍDEO!

Gêmeos siameses mais velhos do mundo morrem aos 68 anos

terça-feira, 07/07/2020, 11:36 - Atualizado em 07/07/2020, 11:36 - Autor: Com informações do Extra


Ronnie e Donnie Gaylon eram considerados os gêmeos siameses mais velhos do mundo.
Ronnie e Donnie Gaylon eram considerados os gêmeos siameses mais velhos do mundo. | Reprodução

Os gêmeos siameses mais velhos do mundo morreram aos 68 anos. Eles moravam na idade de Dayton (Ohio, EUA) e foram os mais longevos de que se tem registro na História. As informações são do Extra.

Bebê nasce com 'duas cabeças' e pai diz que foi punição de Deus

A causa da morte de Ronnie e Donnie Galyon foi "natural". Eles nasceram em 28 de outubro de 1951 e faleceram no último sábado (4). 

Os siamenses passaram os dois primeiros anos de vida em hospitais, com médicos tentando separá-los, mas as tentativas falharam.

Pai terá que decidir entre salvar uma das filhas siamesas ou deixar as duas morrerem

Durante 68 anos, os gêmeos viveram cara a cara, unidos do esterno à virilha com apenas um conjunto de órgãos digestivos inferiores. Cada um deles nasceu com corações e estômagos separados e tinha seu próprio conjunto de braços e pernas.

Os siameses chegaram a fazer uma turnê pela América do Norte com um circo, mas, recentemente, viviam em um asilo.

Gêmeos siameses, também chamados de gêmeos xifópagos ou gêmeos conjugados, desenvolvem-se quando um embrião precoce se separa parcialmente para formar dois indivíduos. A maioria dos gêmeos siameses é natimorto ou morre logo após o nascimento.

Bebê nasce com duas cabeças e deixa médicos confusos. Veja!

Enquanto bebês, costumam ser ligados pelo tórax, pela pélvis ou pelas nádegas. Os gêmeos que sobrevivem podem ser separados por cirurgia. O sucesso do delicado procedimento depende do local por onde eles estão unidos e dos órgãos compartilhados.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS